Sonhei com Charles Chaplin


montagem_01

Concebida com base no cinema mudo, inclusive com cenários e figurinos em preto e branco e usando técnicas do teatro físico, a peça tem como objetivo o resgate de
uma certa inocência e leveza desse período do cinema. A um só tempo, faz uma
homenagem aos ‘personagens vagabundos’ e também prega a não-violência, como
Chaplin, que denunciava o patético e ridículo do autoritarismo, as guerras e o
mau uso do poder.

Outro destaque do trabalho é uso de imagens que remetem ao universo chapliniano
e se fundem à estrutura da peça, numa parceria com o premiado grupo multimídia Bijari.

Sonhei com Charles Chaplin conta a história de um jovem tecladista desempregado, que ama o cinema de Carlitos. Um dia, chateado por mais uma vez tentar e não conseguir emprego, dorme e acorda com o próprio Carlitos em sua casa, que, vendo aquela triste situação, leva-o a procurar trabalho.Assim eles entram em cinco filmes do Chaplin, misturando técnica de cinema mudo e teatro.

Nessa busca, o tecladista vai viver histórias hilárias, cômicas, absurdas e românticas com as personagens características do mundo de Carlitos (o vilão, a
mocinha, a burguesa prepotente, o lutador de boxe, a garçonete sedutora, entre
outros).

Concepção e Direção: Pamela Duncan – Autoria, Direção, Figurino e Cenário: Pamela Duncan – Baseado na filmografia de Charles Chaplin – Consultoria e figurino do tecladista: Geraldo Lima (Urânio) – Sonoplastia: Tunica Teixeira – Iluminação: Wagner Freire – Assessoria circense: Paulo Caverna – Multimídia: Giuliano Scandiuzzi (Bijari) – Visagismo e cabelos: Soho – Perucas: Mac Laren – Simone Hair – Cenotécnico: Jorge Jacques – Técnico de sonoplastia: Juarez – Adereços: Rosa Rodrigues – Fotos: Jefferson Pancieri – Design Gráfico: André Moia – Assessoria de imprensa: Tambores Comunicações – Produção: A Peste, Cia Urbana de Teatro e Instituto Alfa de Cultura – Produção executiva: Pamela Duncan

– Selecionada para a III Mostra de Teatro do Sesi
– Selecionada para o Festival Internacional de São Jose do Rio Preto
– Selecionada para a Cumbre das Americas -Festival na Argentina.