A Diretora

pamela
PAMELA DUNCAN – Diretora do Grupo de Teatro Fìsico A Peste, Cia Urbana de Teatro

Nasceu em Recife, PE Brasil.
Diretora de teatro, arte-educadora, pesquisadora
Parte da sua vida morou em diferentes paises de América. Estudou dança teatro e educação em Buenos Aires e São Paulo.

E curadora e produtora de eventos importantes na cidade de São Paulo como “Art Futura” ,evento internacional . Realizado no Itaú Cultural .”30 anos do Colégio Pentágono” no estádio do Ibirapuera , “Vitória da Paz” no Espírito Santo.Empresa klabin “Villa Lobos ,um brasileiro”

Dirige Shows musicais,preparando cantores para sua melhor performance,em relevância Moises Santana e Aguilar banda performática.,entre outros.
Mantém uma forte ligação com a pesquisa teatral na linha do teatro físico-visual, ministra cursos e workshop no Brasil e no exterior. Outros espetáculos em destaque são “O Processo” de Kafka, do grupo Três de Sangue, “Nossa Historia é Assim” baseado nos poemas de Raul Boop, produção do SESC Santos.
Na área de Educação se destacou como assessora da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo (CENP) na área de Educação.Artística, publicando o livro “Roteiro para o Professor” em co-autoria com o diretor de teatro Reynaldo Puebla.
Atualmente dirige a companhia A Peste, Cia Urbana de Teatro.

O primeiro espetáculo do grupo foi”A Menina que descobriu a noite” (Livro de sua autoria editado pela Ícone de São Paulo), foi convidado para abertura da Bienal de Santos . Fez a primeira Mostra Sesi de teatro Infantil,estréia na Funarte em São Paulo., se apresentando em varias unidades dos Sesc de São Paulo e interior.O grupo parte para “Sonhei com Charles Chaplin” produção do Instituto Alfa de Cultura,estréia no Teatro Alfa de São Paulo faz a Mostra Sesi de teatro ,Festival internacional de São Jose do Rio Preto,projeto Mosaico,recreio nas férias e Sesc de São Paulo.

“Eternos vagabundos” baseado na obra de Samuel Beckett,se apresenta na 8 Mostra Sesi de Teatro Infantil, Festival de Blumenau ,Festival Festa de Santos,Festival 100 anos da cidade de Araraquara,Festival de Sertãozinho e Sesc de São Paulo e Interior.O grupo apresentou o work in progress do espetáculo “Nelson,Visceral” nas Oficinas Culturais Oswald de Andrade.

Em 2009 o grupo pesquisa filmografia para se basear e montar “A familya Monstro” baseado nos grandes monstros de todos os tempos, uma peça do terrir para publico infantil.

Pámela Duncan coordena a área de teatro no Projeto Fazendo Arte na Escola na prefeitura de Taboão da Serra.